Histórico Do Centro Técnico

A RADIADORES VISCONDE investe em pesquisa em desenvolvimento desde o início de suas operações de fabricação.

Preocupada em oferecer produtos de qualidade investi em testes de durabilidade, como os de pressão cíclica, queda,  vibração e choque térmico.

Ainda no final dos anos 80, construiu a sua primeira versão de túnel de vento, ou calorímetro como atualmente é chamado.

No início dos anos 90, de modo pioneiro e com recursos técnicos próprios, sua segunda versão do túnel de vento foi construída. Já naquela época a Radiadores Visconde fazia além das calibrações normais, testes Interlaboratoriais com um centro técnico na Suécia, por meio do envio de alguns radiadores para serem testados lá e depois retornados para serem testados aqui tendo seus resultados assim comparados.

Em 1998 houve o estabelecimento da Joint Venture com a americana Modine Manufacturing Co. e em 2000 iniciou-se o projeto de um novo Centro Técnico. A construção se iniciou em 2001, sendo que também neste momento, devido a inclusão de novos produtos com a tecnologia CAB (Controlled Atmosphere Brazing), se introduziu novas bancadas de testes e as antigas sofreram reforma e atualizações.

Neste ano passou-se a contar com as bancadas de teste para  choque térmico de CAC, pressão cíclica para CAC e foi incluído ao túnel de vento a capacidade de teste de CAC.

Com o surgimento de uma nova linha de produtos com a tecnologia Placa e Barra em 2007, novas capacidades foram adicionadas ao centro técnico e dentre elas a mais significativa foi a bancada de pressão cíclica para resfriadores de óleo, com capacidade para testes a quente ou a frio, com alta frequência de ciclagem ( até 10Hz) e alta pressão ( até 40 bar). Esta bancada também tem capacidade para testes de estouro até 200bar.

Com o aumento do uso do plástico nos novos projetos de radiadores agrícolas e em tanques para CAC, além do surgimento da linha de EGR coolers, em 2008 foi colocada em funcionamento a câmara climática, capaz de testes ambientais entre -70ºC e 180ºC e do shaker eletrodinâmico destinado a frequências de vibrações de até 2000Hz.

Em 2010, com a necessidade de reorganização da fábrica com o aumento de produção, foi necessário deslocar o centro técnico para um novo local, onde se encontra hoje.

O projeto desta vez priorizou a acomodação de equipamentos e escritórios de modo a permitir futuras expansões no local atendendo aos mais novos requisitos de segurança, contando com novos recursos para isolação de som, calor e vibração. A área também foi aumentada dos antigos 250mpara os atuais 1.050m2.

Atualmente o centro técnico da Radiadores Visconde/Modine do Brasil conta com um quadro de profissionais experientes e capacitados para execução de testes em bancadas, campo e análise de resultados.

Constantes investimentos são feitos para manutenção dos equipamentos atualizados e capazes de atender as mais diferentes condições de teste.